Full width home advertisement

Curiosidades

Saúde

Psicologia

Post Page Advertisement [Top]

medicina

Cardiomegalia - Coração Grande - Por Que ele Cresce?

"A cardiomegalia, popularmente conhecida como coração grande, é uma condição grave e de difícil tratamento que acontece com mais frequência em idosos, porém também pode acontecer em adultos jovens ou em crianças com problemas cardíacos"

Devido ao crescimento do coração, o bombeamento de sangue para todo o corpo fica comprometido, o que provoca cansaço intenso e falta de ar, por exemplo. Apesar de ser uma doença grave e que pode levar à morte, a cardiomegalia pode ser tratada e tem cura principalmente quando identificada no início.

Sintomas de Cardiomegalia


O aumento do coração faz com que o sangue fique acumulado em seu interior, nas veias e nos pulmões, levando ao surgimento de sintomas, sendo os principais:
  • Falta de ar, que piora ao longo do tempo;
  • Fraqueza e cansaço ao realizar pequenos esforços;
  • Tonturas e desmaios;
  • Palpitações cardíacas;
  • Aumento da pressão arterial;
  • Diminuição da quantidade de urina produzida por dia.
É importante procurar o médico logo que esses sintomas apareçam, pois quando não tratada a cardiomegalia pode causar insuficiência cardíaca, infarto e morte súbita.

Como é o tratamento

O tratamento para a cardiomegalia deve ser feito de acordo com a indicação do cardiologista, podendo ser recomendado pelo médico o uso de medicamentos diuréticos e que controlam a pressão arterial e os batimentos cardíacos, melhorando o funcionamento do coração. Os remédios normalmente utilizados para tratar a cardiomegalia são Carvedilol, Metoprolol, Bisoprolol, Enalapril, Captopril, Ramipril, Espironolactona e Furosemida.

No entanto, se o uso de remédios não for suficiente, pode ser necessário fazer cirurgia para refazer a estrutura do coração ou transplante cardíaco.

Causas e diagnóstico da Cardiomegalia

 
O coração grande normalmente é consequência de algumas doenças, como Doença de Chagas, hipertensão arterial sistêmica, alteração das válvulas cardíacas, insuficiência cardíaca e má circulação, além de também poder acontecer devido ao alcoolismo e a problemas na estrutura das células do coração.
O diagnóstico da cardiomegalia é feito com base na história clínica da pessoa e através de exames como raio-x e do eletrocardiograma, que identifica o grau de insuficiência cardíaca apresentado pelo coração. Além disso, podem ser solicitados exames laboratoriais para avaliar o funcionamento do coração. Dessa forma, é importante identificar or primeiros sinais de problemas no coração para que o tratamento adequado seja logo iniciado e possam ser evitadas complicações.

12 sinais que podem indicar problemas no coração

Saber quais os sinais que podem indicar problemas no coração pode ajudar a prevenir um ataque cardíaco, por exemplo, ou facilitar o diagnóstico de alguma doença do coração como insuficiência cardíaca.

Indivíduos que possuem maiores chances de sofrer com doenças do coração são aqueles que têm antecedentes familiares com problemas de coração, os que estão acima do peso ideal, fumam e possuem outras doenças associadas, como diabetes, hipertensão e aterosclerose. O aneurisma da aorta é um exemplo de doença grave do coração que pode acontecer nesses indivíduos e seu tratamento é feito com cirurgia.

Assim, 12 sinais que podem indicar problemas no coração são:
  1. Ansiedade: um ataque cardíaco pode causar muita ansiedade e medo da morte, momentos antes de ocorrer;
  2. Desconforto no peito: sintoma clássico de um ataque cardíaco;
  3. Tosse persistente: pode ser o resultado do acúmulo de líquidos nos pulmões, devido à insuficiência cardíaca;
  4. Tontura: sentir-se tonto e chegar a desmaiar pode ocorrer momentos antes de um ataque cardíaco ou em casos como arritmia ou hipotensão;
  5. Fadiga: sentir-se muito cansado o tempo todo pode indicar insuficiência cardíaca, no entanto este sintoma é comum em outras doenças como depressão e anemia;
  6. Náusea ou falta de apetite: pode estar relacionada com o inchaço abdominal causado pela retenção de líquidos ou associada à dor do infarto;
  7. Dor em outras partes do corpo: a dor pode começar no peito e se espalhar para os ombros, braços, cotovelos, costas, pescoço, mandíbula ou abdômen ou estar relacionada a um ataque cardíaco;
  8. Pulso rápido e irregular: quando acompanhado de fraqueza, tonturas ou dificuldade em respirar pode ser evidência de um ataque cardíaco, insuficiência cardíaca ou uma arritmia;
  9. Falta de ar: pode indicar também o início de um ataque cardíaco;
  10. Suor frio repentino: pode indicar um infarto, hipotensão, hipertensão ou arritmia;
  11. Inchaço: o inchaço das pernas e dos pés pode ser sinal de insuficiência cardíaca, pois esta doença pode causar retenção de líquidos;
  12. Fraqueza extrema: pode ocorrer nos dias que antecedem um ataque cardíaco ou associada a insuficiência cardíaca ou hipotensão;
 Fonte: tuasaude.com

Nenhum comentário:

Bottom Ad [Post Page]

| Design por Alex Johnny Prado - Adster