Full width home advertisement

Curiosidades

Biologia

Psicologia

Post Page Advertisement [Top]

medicina

Episiotomia - Corte Cirúrgico na Região do Períneo Durante o Parto

"Você já ouviu falar sobre a episiotomia? Confira aqui as principais informações sobre esse procedimento tão polêmico nos dias de hoje"

 
O que é: 

 
Um corte cirúrgico na região do períneo, músculo entre a vagina e o ânus. Geralmente, é feito para facilitar a passagem do bebê em alguns casos de parto normal. Embora tenha sido procedimento rotineiro no passado, hoje, possui ressalvas, e só é feito em extrema necessidade.
 

Quando é feita: 

 
O médico pode optar pela episiotomia caso haja sofrimento por parte do bebê e ele precise nascer rápido, ou se a mãe já estiver tentando a expulsão há muito tempo, sem sucesso e, por fim, caso haja perigo de grave laceração sem esse procedimento.
 

E se eu não quiser?
 

Converse com seu obstetra durante o pré-natal sobre isso, bem como com a equipe de atendimento na hora do parto, para que haja um alinhamento e consenso da decisão. No entanto, muitos médicos não se comprometem a não fazer o corte, pois, em alguns casos, pode ser a melhor opção. Procure informar-se sobre isso com antecedência.

Posso evitar o corte?
 

Para reduzir as possibilidades de precisar desse corte, você pode realizar uma massagem no períneo, entre uma ou duas vezes por semana, a partir das últimas semanas de gravidez. A massagem é feita internamente pela vagina. Higienize suas mãos e lubrifique-se antes de começar, e utilize os polegares para pressionar e massagear a região. Estudos apontam que esse procedimento é capaz de relaxar os músculos do períneo e reduzir as dores de parto!
 

Esse procedimento dói?
 



Geralmente, não – é rápido e feito sob anestesia (geral ou mesmo uma local, caso a mulher ainda não esteja sob efeito de anestesia).
 

Como ocorre a recuperação?
 

Atenção aos pontos – procure não pressionar a área afetada, para evitar inflamações. No entanto, não se assuste com dores nas primeiras semanas, elas são normais  e a intensidade pode variar. Procure deixar a região bem limpa e faça compressas geladas. Consulte seu médico sobre a possibilidade de usar um spray anestésico e antisséptico que, além de aliviar a dor, pode acelerar o processo de cicatrização. Fonte: sosmammys.com.br

Nenhum comentário:

Bottom Ad [Post Page]

| Design por Alex Johnny Prado - Adster