Full width home advertisement

Curiosidades

Saúde

Psicologia

Post Page Advertisement [Top]

curiosidades

Os Perigos de Ser Um Fumante Passivo!


"Responda rápido: quantas vezes você já ouviu de algum fumante o argumento "eu fumo, mas estou prejudicando apenas a minha própria saúde"

Certamente em inúmeras ocasiões. Mas essa desculpa caiu por água abaixo e, ao contrário do que muitos pensam, quem convive com fumantes também pode ter a saúde prejudicada.

Alguns estudos garantem que os malefícios do cigarro também se estendem aos chamados fumantes passivos. Além de engolir a fumaça a contragosto, essas pessoas acabam expostas a mais riscos do que o viciado em si. O motivo é que a fumaça do cigarro tem três vezes mais elementos cancerígenos.


É por isso que os especialistas apontam que fumantes "por tabela" têm duas vezes mais chances de desenvolverem câncer de pulmão do que os próprios fumantes ativos e o risco de um infarto é 40% maior. Há também pesquisas que comprovam o aumento da incidência de catarata e diabetes nestas pessoas.

Se você é um fumante ativo, nós enumeramos uma série de riscos que o seu comportamento oferece a todos que estão à sua volta. E, caso você não fume, fique bastante atento à qualidade do ar que anda inalando por aí. Confira:
  • Irritações - Reações como tosse, irritação nos olhos, dores de cabeça, doenças respiratórias são os chamados sintomas de curto prazo para os fumantes passivos. Todos esses riscos aumentam de acordo com a quantidade de fumaça inalada;
  • Doenças Pulmonares - Pessoas expostas ao cigarro têm chances 50% maiores de desenvolverem alguma doença crônica, como bronquite e asma. A intoxicação também pode agravar os sintomas e provocar crises frequentes de falta de ar;
  • Câncer - O ambiente onde alguém acabou de fumar contém as mesmas substâncias inaladas pelo dependente. Os cânceres relacionados à inalação da fumaça de cigarro são os de pulmão, nos brônquios, fígado e bexiga;
  • Saúde Mental - A exposição à fumaça do cigarro pode aumentar os riscos de doenças psiquiátricas. As chances de aparecimento de algum tipo de sofrimento psicológico como depressão e ansiedade são 50% maiores;
  • Sinusite Crônica - Os estudos mostram que a fumaça do cigarro é um dos principais gatilhos para a sinusite crônica. A exposição à fumaça do cigarro triplica as chances de se desenvolver a doença crônica.
Fonte: ems.com.br

Nenhum comentário:

Bottom Ad [Post Page]

| Design por Alex Johnny Prado - Adster