Full width home advertisement

Curiosidades

Saúde

Medicina

Post Page Advertisement [Top]

curiosidades

Língua Fissurada - Veja Porque Acontece!


"Você está higienizando a boca e, depois de acabar, dá aquela checada para ver se está tudo certo. É nesse momento que repara que está com rachaduras na língua"

Se essa situação já aconteceu com você, é bom acender o alerta e pensar que esse pode não ser um bom sinal. Caso não acredite, lembre-se de que a situação da língua é analisada pelo médico e pode revelar muitas coisas.

Além de deixar a língua com um aspecto esteticamente desagradável, as rachaduras podem significar riscos à saúde. Mas isso é verdade em certos casos, pois em outros essa característica é perfeitamente normal.

Para entender mais sobre o assunto e o que as rachaduras na língua podem indicar, não deixe de ler a postagem de hoje!

O QUE SÃO RACHADURAS NA LÍNGUA, AFINAL?


Na maioria das pessoas, a língua é uma superfície lisa, que não apresenta nenhuma alteração. No entanto, é comum que alguns indivíduos apresentem características peculiares no dorso da língua.

Ter a língua rachada pode ser uma característica genética normal, já que algumas pessoas apresentam essa peculiaridade. Conhecida também como língua fissurada, ela acontece quando o órgão apresenta sulcos e rachaduras em sua superfície.

Quando é uma herança genética, normalmente outras pessoas da família apresentam a mesma característica. Nesse caso, a pessoa deve tomar cuidado com substâncias ácidas que podem causar irritação no local e investir em uma boa limpeza após as refeições, evitando o acúmulo de sujeira.

Quando as causas das fissuras na língua são de origem genética, o problema tende a se agravar com o avanço da idade. Porém, as rachaduras não são consideradas uma doença bucal e não oferecem riscos à integridade oral do paciente, desde que ele tenha bons hábitos de higiene bucal.

Entretanto, vale lembrar que as rachaduras também podem ser causadas por outras situações, um ponto que merece muita atenção. É sobre essa questão que vamos falar nos próximos tópicos.

QUAIS SÃO OS AGRAVANTES DESSE PROBLEMA?


Não há um fator específico que determine os motivos de uma pessoa nascer com a língua fissurada. Pelo menos não há uma resposta certa para essa questão, mas algumas condições contribuem com o quadro. Elas são:

  • Síndrome de Down;
  • Síndrome de Sjögren;
  • Síndrome de Melkersson-Rosenthal;
  • psoríase;
  • acromegalia.


Apesar de ser um quadro que gera incômodo, a língua fissura não é considerada uma doença, pois não é causada por bactérias, vírus ou fungos. Além disso, o quadro não causa danos à saúde bucal do paciente. As fissuras também não são transmitidas para outras pessoas.

O que pode acontecer é o paciente desenvolver mal hálito por causa da sujeira acumulada nas rachaduras.

Em casos que as rachaduras não são de origem genética, as causas são:

  • bruxismo;
  • tabagismo;
  • estresse;
  • ansiedade;
  • alergias alimentares;
  • diabetes;
  • língua geográfica.


Nessas situações, ocorre o quadro que chamamos de casos agudos de língua fissurada. Mas a boa notícia é que o problema pode ser minimizado ou tratado, pois sua origem se deve a desequilíbrios orgânicos.

O QUE ELAS PODEM REVELAR?


Quando não é uma característica herdada geneticamente, as rachaduras na língua podem sinalizar algumas enfermidades. A língua fissurada, por exemplo, pode indicar doenças como o sapinho e a candidíase oral, além de possíveis deficiências nutricionais.

A falta de vitaminas e minerais pode ser muito determinante nesse caso, deixando a língua mais fraca e suscetível a fraturas. Elas também podem ser originárias das ações de vermes, já que eles interferem na quantidade de ferro do organismo, levando o indivíduo à anemia e, por consequência, a ter mais facilidade de ter a língua rachada.

As desordens no Sistema Nervoso Central também podem ter esse sintoma. De forma similar, as doenças gastrointestinais, como gastrite, colite e pancreatite. A rachadura da língua é um dos primeiros sintomas e representam um ótimo momento para procurar o gastroenterologista e resolver o problema pela raiz.

As fissuras ainda podem ser resultados de problemas na própria boca, como infecções ou inflamações. Essa doença é conhecida como glossite e pode ser causada por vírus, fungos ou bactérias. Por fim, as rachaduras podem acontecer depois que você mordeu a própria língua enquanto falava ou mastigava alguma coisa.

QUAIS SÃO AS CARACTERÍSTICAS MAIS COMUNS?


Além da questão visual, você pode perceber que está com rachaduras na língua ao sentir fissuras e rachaduras no dorso, que são semelhantes a cortes. É bem fácil identificar o problema, pois são fissuras de 2 a 6 mm de profundidade.

Quando o caso é mais grave, as rachaduras formam pequenas “ilhas” no dorso da língua, deixando o órgão dividido em partes. Mas isso varia de pessoa para pessoa, pois alguns indivíduos apresentam sulcos mais discretos.

Nem sempre há problemas físicos, mas é comum que algumas pessoas apresentam algum tipo de desconforto. Então, se você sente dor ao comer ou ao falar, queimação na área, inchaço na língua e perda de paladar, é bom tomar cuidado. A dor pode ser mais comum na hora de consumir alimentos quentes ou apimentados.

Sempre que perceber alguma inconsistência ou algum sinal diferente na região, é bom checar se está tudo certo.

COMO TRATAR?



Como as razões que levam ao rachamento na língua podem ser muito diferentes, nada mais natural que os tratamentos sejam distintos também. O caminho mais comum é um tratamento localizado, fazendo lavagens com desinfetantes e recuperando as feridas.

Se a causa das fissuras for a falta de vitaminas, é necessário fazer um acompanhamento mais profundo por meio de exames de sangue. Assim fica mais fácil entender as possíveis defasagens e trabalhar para recuperá-las.

A seguir, vamos citar opções mais específicas de tratamento disponíveis para as fissuras na língua. Veja só!

USO DE MEDICAMENTOS

O uso de remédios é indicado para pacientes que apresentam quadro agudo de língua fissurada. Como nesses casos a origem do problema está relacionada a alergias ou fatores psicológicos, os medicamentos ajudam a amenizar a situação.

Os remédios também são indicados para regular o fluxo salivar e tratar infecções ou inflamações já instaladas na língua do paciente por causa das rachaduras.

DIETA BALANCEADA

Alimentos muito ácidos e apimentados contribuem para o aparecimento de rachaduras na língua. Então, para evitar o problema, o ideal é consumir essas comidas com moderação. Além disso, é importante manter uma dieta equilibrada, consumindo bastantes frutas, legumes, verduras, carnes magras e alimentos integrais.

Uma alimentação equilibrada é importante para manter seu organismo nutrido com todas as vitaminas necessárias para manter sua saúde em dia. Os alimentos processados também devem ser evitados, pois não contém a quantidade de nutrientes necessária para o bom funcionamento do organismo.

ABSTINÊNCIA DO CIGARRO

O cigarro é um dos maiores vilões de uma boa saúde bucal e de um sorriso branco e bonito. Mas não é só isso, pois quem fuma frequentemente também entra no grupo de risco de desenvolver fissuras na língua.

Isso acontece porque o cigarro provoca o ressecamento das mucosas bucais, interfere no fluxo salivar e no pH da saliva. Esses fatores alteram as características naturais da língua, contribuindo para o surgimento das rachaduras.

Então, caso você sofra com rachaduras na língua, aproveite para deixar o cigarro de uma vez por todas e ainda melhorar sua saúde e a beleza de seu sorriso.

CUIDADOS COM A SAÚDE


Pessoas com doenças como diabetes e psoríase também apresentam mais chances de ter a língua fissurada. Por isso, o ideal é cuidar da saúde e fazer um acompanhamento médico em casos que haja desequilíbrios orgânicos.

HIGIENE BUCAL ADEQUADA

Além de tudo citado, é fundamental investir em uma boa escova de dente e garantir uma boa higienização para que elas desapareçam de vez. Para isso, conte sempre com a ajuda do seu dentista, pois ele pode aconselhar as técnicas corretas.

Aliás, manter uma higiene bucal adequada é uma das principais recomendações para quem sofre com rachaduras na língua. Com ela, há uma facilidade para o acúmulo de resíduos alimentares, que além de causarem mal hálito, causam infecções ou inflamações nos tecidos.

No mais, as bactérias podem migrar para outras partes da boca, causando outras doenças como cárie, gengivite e periodontite. Lembrando que a periodontite é uma doença grave, que não traz prejuízos apenas para a saúde bucal, podendo causar problemas sistêmicos caso não seja tratada a tempo.

COMO EVITAR AS RACHADURAS NA LÍNGUA?


Quando o problema é de origem hereditária, não há muito que fazer. Mas caso você não tenha nascido com essa característica e queira evitar esse quadro, deve tomar alguns cuidados.

Um deles é em relação à alimentação, que deve ser equilibrada. Você ainda deve evitar consumir alimentos que agridam a língua. Os problemas de saúde de contribuem com o aparecimento das rachaduras devem ser devidamente tratados.

QUEM DEVO PROCURAR QUANDO SURGIR RACHADURAS NA LÍNGUA?

Embora não seja um quadro grave, que apresente riscos à saúde do paciente, quem sofre com fissuras na língua deve procurar ajuda de um profissional. Lembre-se de que rachaduras tendem a se agravar com o passar dos anos e o avanço da idade.

O ideal é procurar um estomatologista, que é um dentista especializado no cuidado geral com a boca. Ele não cuida somente dos dentes, mas das mucosas, glândulas e ossos da região oral.

O principal objetivo de um estomatologista é melhorar a saúde bucal do paciente, prevenindo, diagnosticando e tratando doenças que podem aparecer pela área. Então, em casos de alterações na língua, o estomatologista é o profissional mais indicado para reconhecer os sinais e propor a melhor opção de tratamento.

Claro que em casos nos quais as rachaduras acontecem por causa de doenças, é necessário um trabalho conjunto entre médico e dentista. Dessa forma, o paciente recebe um atendimento multidisciplinar e completo.

Como você viu, as rachaduras na língua não são um problema grave, e possuem tratamento. Então, se você não nasceu com essa característica e se sente incomodado com a situação, não hesite em procurar um profissional especializado. Fonte: https://sorridents.com.br

Nenhum comentário:

Bottom Ad [Post Page]

| Design por Alex Johnny Prado - Adster