Full width home advertisement

Saúde

Biologia

Medicina

Post Page Advertisement [Top]

curiosidades

13 Sinais De Que Seu Corpo Precisa de Cálcio

"A deficiência em vitamina D tornou-se um problema crescente nos últimos anos"

Entre outras coisas, a vitamina D promove a absorção de #cálcio e o crescimento ósseo. Na verdade, é uma das vitaminas que a maioria dos humanos muitas vezes não adquire o suficiente.

Claro, às vezes pode ser difícil determinar quando você precisa de vitamina D. Dito isto, uma deficiência dela pode levar a uma série de problemas e condições de #saúde mais graves.

Portanto, é importante saber quais sintomas podem se desenvolver quando seu corpo não tem o suficiente dela.

O que é deficiência de vitamina D?


A deficiência de vitamina D é um problema comum em todo o mundo. A idade, a pigmentação da pele, a doença e a nutrição são afetadas quando falamos sobre a falta de vitamina D.

Se você fica muito tempo dentro de casa, pode ser um problema, uma vez que os raios UV do sol são a fonte de vitamina D mais eficiente e prontamente disponível. O próprio corpo não pode produzi-la sozinho: ao contrário, ela é processada quando estamos expostos à luz solar.

A vitamina D pode ser armazenada em células de gordura por vários meses. No entanto, em partes do mundo onde os invernos são longos, nossas reservas de vitamina D podem acabar antes da exposição regular à luz solar voltarem. De acordo com fontes, a vitamina D pode ser armazenada no corpo por cerca de três meses, mas isso pode variar ligeiramente de pessoa para pessoa.

Aqui estão 13 sinais de alerta que ajudarão a dizer se você precisa de mais desta importante vitamina:

 

1. Fraqueza muscular

A vitamina D é necessária para que o sistema imunológico funcione bem. A deficiência de vitamina D pode causar dor, fraqueza muscular e até mesmo comprometimento cognitivo, de acordo com pesquisadores.

Os bons níveis de vitamina D no corpo também podem neutralizar a dor após o exercício e permitir que os músculos se recuperem mais rapidamente, conforme estudos da Universidade de Newcastle.

 

2. Dores nos ossos

Em um estudo com 150 pacientes com dor óssea persistente, 93% do grupo apresentaram baixos níveis de vitamina D.

A deficiência da substância pode levar a um ligeiro desconforto, mas casos graves podem significar que as fibras musculares não funcionam adequadamente. Isso pode levar à dores na parte inferior da coxa e da pelvis.


3. Problemas respiratórios

Estudos mostram que a vitamina D pode ajudar a proteger o sistema respiratório contra doenças e infecções. Isto é ainda mais verdadeiro em crianças.

Se seu filho é severamente asmático, você deve aumentar sua ingestão de vitamina D. Ao dar-lhes regularmente suplementos de vitamina D, você pode reduzir o risco de ataques de asma graves em até 50%, revelou um novo estudo.

4.  Ondas de calor

Sua testa brilha com suor sem motivo? Você se sente muito quente, mesmo que esteja fresco dentro da sala? Pode ser um indicador inicial da deficiência de vitamina D.

Historicamente, médicos perguntam às mães se os bebês recém-nascidos têm mais suor do que o habitual em suas cabeças. Foi usado como uma boa maneira de dizer que uma criança está sofrendo defalta de vitamina D.

5. #Depressão

Vários estudos mostraram que a vitamina D pode ter uma grande influência no seu humor, especialmente no que diz respeito à depressão. As mulheres com baixos níveis de vitamina D correm o risco de ficarem deprimidas quando comparadas com outras, de acordo com um estudo publicado no Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism.
Tomemos, por exemplo, este estudo filandês. Pessoas com níveis elevados de vitamina D apresentaram um risco de depressão de 35% menor.

Dito isto, os debates continuam sobre os possíveis vínculos entre a vitamina D e a depressão. Porém, ainda mais pesquisas são necessárias.

6. Fertilidade


Acredita-se que a vitamina D desempenha um papel na fertilidade das mulheres. Uma pesquisa australiana feita em 2008 mostrou que a fertilidade masculina também pode ser impactada.

Também se pensa ser mais fácil de conceber por inseminação artificial se você tiver bons níveis de vitamina D.


7. Dor de cabeça crônica


Você é um homem de meia-idade que sofre de dores de cabeça regulares? Aparentemente, a deficiência de vitamina D pode aumentar o risco de dores de cabeça crônicas.

Estudos de uma universidade na Finlândia, realizadas entre 1984 e 1989, examinaram 2.600 homens entre 42 e 60 anos.

Cerca de 68% dos homens estavam em falta de vitamina D, e aqueles com os níveis mais baixos eram duas vezes mais propensos a sofrer de cefaleias crônicas do que seus homólogos com níveis mais altos.

8. Problemas de pele

Estudos têm demonstrado que altas doses de vitamina D podem ajudar a combater afecções cutâneas, como psoríase e vitiligo.

Em um estudo piloto de 2013, 16 pacientes com vitiligo e nove pacientes com psoríase aumentaram drasticamente sua ingestão de vitamina D.

Os resultados mostraram uma clara melhoria em todas as frentes,de acordo com a Greenmedinfo.

9. Perda de cabelo


Você sofre de perda de cabelo? Pode ser que você esteja sem a quantidade correta de vitamina D. Em umestudo publicado pela Skin Pharmacology, pesquisadores entrevistaram 80 mulheres entre 18 e 45 anos que sofriam de perda de cabelo. Os resultados mostraram uma correlação entre a deficiência de vitamina D e a questão em questão.

10. Fadiga


Cansado e sem energia? Muitas pessoas com deficiência de vitamina D experimentam esses sintomas diariamente sem saber por quê.

A vitamina D é uma das necessárias para a geração de energia. Sem ela, você pode se sentir cansado por grandes partes do dia.


11. Pressão arterial elevada


Existe uma correlação direta entre a quantidade de vitamina D no sangue e o risco de hipertensão arterial. Em um estudo da University of South Australia, pesquisadores descobriram que havia uma ligação clara entre a quantidade de vitamina D e a pressão arterial dos participantes. A conclusão? Quanto mais vitamina, menor a pressão arterial.


12. Ossos fracos

Quando você se aproxima dos 30 anos, seu corpo deixa de formar massa óssea. A falta de vitamina D pode acelerar os sintomas de fragilidade com os ossos.

A relação entre deficiência de vitamina D e osteoporose tem sido falada há muito tempo. Se estiver lutando contra tais problemas, deve tomar suplementos adicionais de cálcio e vitamina D para garantir que você tenha ossos fortes.

13. Mudanças de humor


A vitamina D tem um efeito direto sobre a serotonina que regula a forma como nos sentimos emocionalmente.

Você está frequentemente irritado ou facilmente irritado? Pode ser um sintoma de deficiência de vitamina D. Estudos da Universidade de Sheffield mostraram que a vitamina D pode ter efeitos positivos sobre ansiedade, depressão e insônia.

Alimentos ricos em vitamina D

Então, se você quer aumentar sua ingestão de alimentos ricos em vitamina D, abaixo estão alguns exemplos simples do que você pode comer para ajudá-lo em sua jornada.
  • Creme de leite
  • Leite
  • Queijo
  • Gema de ovo
  • Fígado
  • Peixe (salmão, perca, sardinha)
  • Cogumelos

Suplementos de vitamina D

Os suplementos de vitamina D são especialmente recomendados para os seguintes grupos:
  • Crianças menores de dois anos de idade
  • Crianças com mais de dois anos de idade com cabelo escuro
  • Crianças que não passeiam ao ar livre muitas vezes
  • Crianças que não comem peixe
  • Mulheres grávidas que não comem alimentos ricos em vitamina D ou usam roupas cobrindo todo o corpo
  • Pessoas idosas que podem não passam muito tempo ao ar livre. Fonte: br.newsner.com

Nenhum comentário:

Bottom Ad [Post Page]

| Design por Alex Johnny Prado - Adster